De acordo com um novo projeto de lei enviado ao Senado dos EUA, todos os que entrarem no país podem ser obrigados a declarar a posse Bitcoins e outros ativos digitais quando seu valor de mercado exceder US$ 10 mil

De acordo com um novo projeto de lei enviado ao Senado dos EUA, todos os que entrarem no país podem ser obrigados a declarar a posse Bitcoins e outros ativos digitais quando seu valor de mercado exceder US$ 10 mil, isso foi publicado na revista Forklog.

O autor do projeto de lei 1241 (que trata do combate à lavagem de dinheiro e financiamento do terrorismo) foi feito pelo senador republicano de Iowa, Chuck Grassley.

A menção às criptomoedas está contida na seção 13 do projeto de lei (dispositivos de acesso pré-pago, moedas digitais ou outros instrumentos similares) e envolve a cooperação de um Serviço Aduaneiro especialmente autorizado e do Ministro da Segurança Interna.

O projeto de lei visa impedir a importação de ativos digitais não declarados nos Estados Unidos, e espera-se que aqueles que entrarem nos Estados Unidos declarem as criptografias disponíveis com valores acima de US$ 10 mil.

Se os fundos não forem declarados, o projeto sugere bloqueá-los, embora, a forma como isso será feito não tenha sido declarada.

Recordando

Dois usuários americanos da plataforma P2P LocalBitcoins foram sentenciados a prisão por suspeita de tráfico de drogas e circulação ilegal de dinheiro nos Estados Unidos.

O tribunal americano emitiu o veredicto no caso de circulação ilegal de dinheiro e a distribuição de drogas contra Rendall Lord, 58 anos, e seu filho Michael Lord, 29 anos, em Shreveport, Louisiana. Rendall foi condenado a 46 meses de prisão e Michael á 106 meses. Essa decisão foi tomada pelo Departamento de Justiça do Estado da Louisiana na semana passada.