A empresa Venrock, fundada em 1969 pelo neto do primeiro bilionário de dólar, John Rockefeller, começará a investir em criptomoedas.

A empresa Venrock, fundada em 1969 pelo neto do primeiro bilionário de dólar, John Rockefeller, começará a investir em criptomoedas. Isso foi relatado pelo portal BitPlex.

Para implementar o novo ramo de negócios, a Venrock anunciou sua cooperação com a empresa de capital de risco, CoinFund, especializada em investimentos na indústria criptomonetária e em várias soluções de Blockchain.

“Temos procurado estabelecer parcerias com essa equipe que investe e, de fato, ajuda a criar várias economias criptomonetárias e projetos baseados em criptotokens”, afirmou o sócio da Venrock, David Pakman.

Segundo ele, a empresa não está interessada em receber lucros em curto prazo. Em vez disso, a prioridade é dada às perspectivas de longo prazo para o desenvolvimento da esfera das criptomoedas. A instituição está pronta para investir vários milhões de dólares na nova indústria.

Há quase meio século, a Venrock iniciou sua jornada com apenas um milhão de dólares de capitalização, sendo que, devido ao crescimento de empresas como Apple e Intel, que no seu tempo, foram escolhidas como promissores objetos de investimento, o valor de seus ativos é atualmente estimado em US$3 bilhões.