Após uma prolongada recessão, o mercado de criptomoedas finalmente está mostrando sinais de recuperação: a capitalização agregada subiu para US$ 123 bilhões e, embora as preocupações com um novo declínio permaneçam, o sentimento geral dos investidores antes do período de Natal está se tornando mais positivo.

A partir das 06:00 UTC de quarta-feira, dia 19 de dezembro, a taxa média ponderada do Bitcoin (BTC) era de US$3.783, enquanto que em algumas corretoras, o preço do BTC subiu para US$3,9 mil. O crescimento diário foi de 6,77%.

Outros ativos mais líquidos também mostram uma dinâmica positiva: o XRP e o Ethereum, por exemplo, aumentaram em mais de 10%, enquanto o último retornou a níveis acima de US$100, onde foi negociado pela última vez há quase duas semanas.

Entre as dez principais moedas criptográficas, o Bitcoin Cash também se destaca bastante: nas últimas 24 horas, o ativo cresceu em 28%, subindo para US$116 – isso também permitiu que ele alcançasse a sexta linha da classificação, deslocando o Tether e o Litecoin.

Também digno de nota é o aumento de 12% do TRON. Fora da lista Top 10, quem se destacou foi o Waves, que com seu novo rali, registrou um crescimento diário de quase 39%.

Vale ressaltar que no contexto desse rali do mercado criptomonetário, relatamos que no dia anterior, o EOS subiu para o quarto lugar em termos de capitalização.