Walmart, JD.com e IBM criam aliança de Blockchain para rastrear alimentos na China

Os gigantes de varejo Walmart e JD.com apoiaram uma nova iniciativa de Blockchain na China focada na segurança dos produtos e na capacidade de rastreá-los.

Publicado em 15 de dezembro de 2017 por

Os gigantes de varejo Walmart e JD.com apoiaram uma nova iniciativa de Blockchain na China focada na segurança dos produtos e na capacidade de rastreá-los.

Juntamente ao Laboratório Nacional de Engenharia da Universidade de Xinhua para tecnologia de comércio eletrônico e a IBM, as empresas criaram a Blockchain Food Safety Alliance, uma aliança de segurança alimentar baseada em Blockchain que conectará os participantes da cadeia de suprimentos de alimentos à China.

A ideia é desenvolver um “método padrão de coleta de dados sobre a origem, segurança e autenticidade dos alimentos”. Nesse caso, a Blockchain servirá de base tecnológica para registrar estas informações em tempo real.

Participando no projeto, o Walmart expandirá seus esforços anteriores para rastrear cadeias de fornecimento de alimentos. Em outubro de 2016, a empresa informou que estava trabalhando com a Universidade de Xinhua e a IBM no desenvolvimento da tecnologia para rastrear produtos de porco. Durante a apresentação no início de 2017, Walmart descreveu o processo como “muito encorajador”.

Anunciando a nova iniciativa, Frank Yannas, vice-presidente de segurança alimentar e higiene alimentar do gigante de varejo, disse:

Como defensor da segurança alimentar mundial, o Walmart espera ansiosamente aprofundar sua cooperação com a IBM, Universidade de Xinhua, JD e outras empresas. Graças ao trabalho em conjunto, padronização e implementação de tecnologias inovadoras, podemos melhorar de forma eficiente a rastreabilidade e a transparência, além de ajudar o sistema alimentar global a permanecer seguro para todos.

JD.com é uma plataforma de comércio eletrônico para consumidores, que contou com mais de 200 milhões de usuários em setembro, então sua participação no sistema de rastreamento é muito importante.

Os relatórios sobre os planos da JD.com de importar durante alguns anos produtos em bilhões de dólares, teoricamente, sugerem o recebimento de uma enorme quantidade de dados dentro do novo sistema de Blockchain.

O chefe da Unidade de Pesquisa em Cadeia de Suprimentos da JD, Yongli Yu, disse:

Em todo o mundo e especialmente na China, os consumidores estáo querendo cada vez mais saber da origem dos produtos que estão na mesa deles, e a JD está interessada em uma tecnologia que ofereça uma transparência total nesse sentido.

Chrys
Chrys é fundadora e escritora ativa do BTCSoul. Desde que ouviu falar sobre Bitcoin e criptomoedas ela não parou mais de descobrir novidades. Atualmente ela se dedica para trazer o melhor conteúdo sobre as tecnologias disruptivas para o website.

Compartilhe!

Leave a Comment