Zero Carbon ajudando a resolver as mudanças climáticas

As mudanças climáticas crescem cada vez mais a um ritmo acelerado apresentando incalculáveis riscos para todo o planeta; tecnologias desenvolvidas para atenuar o problema ainda não têm surtido o efeito desejado.

Publicado em 24 de Maio de 2018 por

As mudanças climáticas crescem cada vez mais a um ritmo acelerado apresentando incalculáveis riscos para todo o planeta; tecnologias desenvolvidas para atenuar o problema ainda não têm surtido o efeito desejado. Ademais, o custo das tecnologias de energia sustentáveis ainda conta com preços exorbitantes, o que dificulta e atrasa os processos de redução das emissões de carbono. Na contramão desse processo, consumidores estão cada vez mais preocupados com as mudanças climáticas. No entanto, devido aos altos custos, ainda acabam optando por fontes de energias mais baratas geradas a partir de combustíveis fósseis.   

Nesse sentido, o projeto Zero Carbon surge como uma alternativa para ajudar a acelerar o desenvolvimento de medidas mais baratas e eficazes no que se refere à redução da emissão de carbono. O Projeto, que é competitivo nos resultados de preços, garante efeito imediato, pois promove maior dinamismo no mercado de energia, trabalhando em parceria com agentes do mercado de criptomoedas, tendo esses como clientes, tanto durante a venda simbólica quanto durante a transição para Carbon Zero

Solução Zero Carbon Project para a mudança climática

Com a finalidade de combater a mudança climática, a abordagem do projeto Zero Carbon contempla a implantação de mercados de carbono zero ou trocas de criptomoedas de energia nos mercados competitivos de eletricidade em todo o mundo. Consumidores de energia envolvidos no mercado de criptomoedas podem acessar o Mercado on-line do Zero Carbon para escolher uma lista de ofertas de fornecedores de energia que estarão em ampla concorrência buscando o maior número de negócios, o que influenciará os preços. O consumidor, então, poderá escolher a opção caso o valor seja menor.  

A economia de custos e oportunidade de contribuir normalmente não são suficientes para os clientes priorizarem a troca.

Para tentar superar essa objeção, os idealizadores do projeto têm tentado resolver o problema de priorização trabalhando com a comunidade criptomonetária. Assim, para fornecer um maior incentivo aos consumidores, indica-se como prioridade o switch, os clientes são recompensados ​​com tokens Energis.

Os tokens da Energis garantem seu valor como meio de pagamento das taxas de transação pela participação na troca de criptomoedas de energia. Essas taxas de transação de Energis serão recicladas como recompensas para que mais consumidores de energia mudem para fontes de energia com zero carbono.

Para compensar as emissões de carbono e competir efetivamente contra a energia baseada em emissões de carbono, os fornecedores de energia participantes precisarão adquirir créditos internacionais de carbono. Os créditos internacionais de carbono são baratos, mas são eficazes na redução das emissões de carbono.

Como funcionada o mercado Zero Carbon?

De forma simplificada, fornecedores de energia de carbono zero podem usar fontes de energias provenientes de combustíveis fósseis, mas, em troca,  pagam um pequeno prêmio usando créditos internacionais de carbono, comepensando as emissões de carbono.

Para atender ao prêmio de compensação de carbono objetivando superar os preços de combustíveis fósseis, o mercado Zero Carbon aplica intensa concorrência atraindo uma variada gama de fornecedores e preços mais baixos de energia zero carbono, respeitando especificidades como tamanho, localização e padrão de consumo de cada um de seus consumidores.   Assim, os fornecedores enviam suas melhores ofertas de energia zero carbono. As ofertas são confrontadas de maneira crível baseadas em parâmetros semelhantes, usando um sistema de comutação on-line para residências e um sistema de leilão reverso on-line para empresas. Posteriormente, os consumidores podem selecionar as opções que mais lhes agradam em todo o mercado do Zero Carbon. Por sim, o consumidor completa o contrato diretamente com o fornecedor.

Sobre os tokens Energis

Os tokens Energis foram concebidos a fim de fornecer o catalisador para a mudança e fornecer incentivos para que os consumidores contribuam no combate às alterações climáticas. Contratos inteligentes foram implantados na Blockchain para gerenciar o uso e fluxo de transações simbólicas na economia do Energis.

Oferta total de Tokens Energis

A oferta total de tokens da Energis permanecerá em 240 milhões. 

Os tokens Energis serão atribuídos da seguinte forma:        

  • 2,0% ou 4,84 milhões serão distribuídos aos membros da equipe e consultores parceiros·        
  • 2,4% ou 5,83 milhões serão distribuídos para recompensas e bônus·        
  • 51,4% ou 121,33 milhões serão distribuídos como parte da venda simbólica·        
  • 30% ou 72 milhões serão retidos no grupo de recompensas para serem distribuídos como recompensas pelo consumo de energia de carbono zero.·        
  • 15% ou 36 milhões serão retidos pela Beond e investidos da seguinte maneira:  

Os tokens energia de propriedade da Beond serão mantidas em depósito. 25% ou 9 milhões de tokens serão liberados após a conclusão da rodada de mainsale. Os tokens remanescentes serão liberados em lotes iguais de 25% do número total de tokens da Energis de propriedade da Beond ou 9 milhões de tokens a cada seis meses a partir de então.

Para mais informações, acesse o site https://www.zerocarbonproject.com/ ou visite as redes sociais:

Twitter https://twitter.com/ZeroCarbonPrjct

Youtube https://www.youtube.com/channel/UCILwm1XKqdCe507-x3cUArA

Facebook https://www.facebook.com/zerocarbonproject/

Instagram https://www.instagram.com/zerocarbonproject/

Telegram https://t.me/ZeroCarbonAnnouncements

Chrys
Chrys é fundadora e escritora ativa do BTCSoul. Desde que ouviu falar sobre Bitcoin e criptomoedas ela não parou mais de descobrir novidades. Atualmente ela se dedica para trazer o melhor conteúdo sobre as tecnologias disruptivas para o website.

Compartilhe!

Leave a Comment