Análise de preço das altcoins: apenas o XRP sobreviveu

Na noite de sexta-feira, dia 9 de março, o preço da Primeira Moeda continuou declínio, caindo em uma série de corretoras para cerca de US$8,5 mil.

Publicado em 22 de novembro de 2018 por

A última revisão dos preços das altcoins se mostrou quase profética: nela, foi explicado que o mercado estava quase “maduro” para completar a correção e continuar o desenvolvimento da tendência de queda.

O mercado realmente rompeu a “defesa” do intervalo de consolidação. O impulso do declínio foi tão forte que poderia causar confusão em muitos participantes do mercado. Mas não se deve esquecer que o último e ainda atual movimento foi um estágio natural no desenvolvimento da tendência geral.

O fundo não foi alcançado, o declínio continuará, possivelmente se espalhando ao longo do tempo. No curto prazo, é possível esperar apenas por uma correção do impulso descendente.

Neste artigo, falaremos sobre possíveis cenários para o movimento de preços de algumas das mais populares altcoins.

EOS

No cronograma de três horas, há uma tendência de queda dentro de um canal estável. A tendência suspendeu seu desenvolvimento perto da linha de meta de suporte para o canal primário de projeção.

Observando a formação de convergência nos indicadores MACD e Stochastic, pode-se supor que haverá uma reversão. Seu primeiro objetivo pode ser a linha de resistência do atual canal de curto prazo (nível de US$4,10). Além disso, é possível que o crescimento continue para o nível de resistência de US$4,56. Observando o movimento descendente estável das linhas MACD, supõe-se que a correção será de curta duração. O mercado pode formar outro impulso de declínio em seguida.

Um sinal para a continuação do declínio será a quebra do nível atual de suporte próximo à marca de US$3,46. Como alvo do impulso de declínio, vale considerar o nível de US$2,36.

Ethereum

A dinâmica do Ethereum no gráfico de três horas mostra que a última tendência de baixa atingiu o objetivo principal: a linha de suporte para o corredor principal. A tendência de baixa ainda não está completa. No entanto, no curto prazo, pode-se esperar uma correção.

Os fatores que indicam a possibilidade de correção incluem a convergência nos indicadores MACD e Stochastic e a “cruz de ouro” nesse último. Os objetivos mais prováveis da correção podem ser os níveis de 23,6% (US$150,47), 38,2% (US$164,84) e 50% (US$176,45) na escala de Fibonacci. A linha de resistência local também pode servir como um guia para os compradores.

Avaliando as perspectivas da continuação do declínio, a zona psicológica de suporte perto da marca de US$100 deve ser considerada como um objetivo para o mesmo.

Litecoin

No gráfico de três horas para o Litecoin, é possível observar o desenvolvimento de uma estável tendência de baixa. No momento, o mercado está tentando superar a linha de suporte do canal principal.

O objetivo mais próximo do declínio é a linha de suporte do corredor de projeção e a marca de US$28,40. Com uma tendência de baixa em desenvolvimento, uma convergência está se formando no indicador MACD, o que pode indicar um próximo recuo. O objetivo deste último pode estar na linha de resistência do atual canal em US$37,45. Depois de superar essa marca, a correção pode continuar até o nível de US$40.65 – após a conclusão da correção, é possível aguardar o desenvolvimento de outro impulso de declínio para o importante nível de suporte de US$14,05.

XRP

Considerando o quadro técnico atual do XRP no gráfico de duas horas, vale notar que esse ativo não reagiu muito à dinâmica geral do mercado. O preço conseguiu romper a linha de suporte do corredor de crescimento anterior. No entanto, o atual canal de declínio não parece muito estável, uma vez que os compradores estão respondendo ativamente a cada toque da linha de suporte, jogando o preço para cima, para a linha de resistência.

As perspectivas dependerão da quebra ou rebote da linha de resistência local: uma quebra permitirá que as cotações subam para o principal nível de resistência de US$0,5110; um rebote, por sua vez, será um sinal para um novo declínio até o nível de suporte em US$0,3922 – a superação desse nível pode abrir caminho para um declínio para o nível de US$0,2850.

Qtum

O gráfico de três horas para o Qtum mostra uma parada no desenvolvimento do impulso descendente na linha de suporte do corredor principal. Nos indicadores MACD e Stochastic, pode-se observar a formação de uma convergência. Esta última pode indicar o início do período de correção.

Até o momento, a correção atingiu o nível de 23,6% na escala de Fibonacci em relação ao impulso descendente geral. A quebra da linha de resistência do canal descendente local permitirá que as cotações se movam para o corredor de projeção superior, expandindo, assim, o alcance da correção.

As metas para essa correção podem estar nos níveis de 38,2% (US$3,05) e 50,0% (US$3,32). O próximo objetivo da tendência descendente será a marca de US$1,65, mas somente depois que o mínimo local for quebrado.

Chrys
Chrys é fundadora e escritora ativa do BTCSoul. Desde que ouviu falar sobre Bitcoin e criptomoedas ela não parou mais de descobrir novidades. Atualmente ela se dedica para trazer o melhor conteúdo sobre as tecnologias disruptivas para o website.

Compartilhe!

Leave a Comment