Análise de preço do Bitcoin: uma meia-volta está por perto

A tendência ascendente que perdurou nas duas últimas semanas terminou com uma profunda correção nesta quarta-feira, dia 25 de abril, quando o Bitcoin, quase superando os US$9,8 mil, perdeu mais de US$1 mil em valor em menos de 12 horas e provocou a queda do restante do mercado criptomonetário.

Publicado em 22 de Janeiro de 2018 por

Mais de um mês se passou desde que a Primeira Moeda começou sua correção. De tempos em tempos, os touros fazem tentativas hesitantes de retornar ao status quo, mas até agora, esses esforços se mostraram inúteis e não foram acompanhados por um aumento significativo nos volumes. Neste artigo, compartilharemos pensamentos sobre o tempo de dominância dos “ursos” no mercado.

Os eventos da semana passada se desenvolveram de acordo com o cenário negativo proposto na revisão anterior: o preço atravessou o canal de um leve aumento ou triângulo – cada usuário tem interpretações distintas – e diminuiu de forma padrão para a largura desse triângulo.

O nível de US$11,5 mil que por vezes impediu o declínio, não suportou – o que era de se esperar: a próxima fortaleza de resistência se tornou a marca de US$10 mil. Houveram vários casos em que o preço se recuperou ativamente a partir dessa marca, contudo, os “ursos” começaram a empurrá-lo para baixo. Em determinado momento, pareceu que eles não parariam até que os preços alcançassem a marca de US$8 mil – 8,5 mil.

O crescimento – como muitas vezes acontece – começou rapida e repentinamente. Como resultado, o preço testou o lado reverso do limite do triângulo em torno de US$13 mil.

Análise de preço do Bitcoin: uma meia-volta está por perto. BTCSoul.com

BTC/USD, cronograma de 4 horas: quebra do canal e retorno para o mesmo

O se pode esperar do preço agora? A vela semanal parece ruim para os compadores, pois os “ursos” ainda têm todas as chances de descer novamente. Eles pretendem re-tocar o nível psicológico de US$10 mil e, possivelmente, alcançar a marca de US$8 mil – 8,5 mil, que muitos esperam ansiosamente. O nível de US$11,5 mil está agora fora de questão, uma vez que já foi ultrapassado.

Acredita-se que mesmo que os preços fossem abaixo de US$10 mil, eles se rapidamente recuperariam, fazendo com que a vela semanal tenha um corpo “de touro” com uma sombra longa e baixa, que personifica um bom sinal para futuras compras.

Análise de preço do Bitcoin: uma meia-volta está por perto. BTCSoul.com

Publicidade

Publicidade

BTC/USD, gráfico semanal

O gráfico diário está numa tendência de baixa local. Para formar uma nova tendência de alta local, é necessários que os preços ultrapassem a marca de US$14,5 mil – o que, na situação atual parece bastante improvável.

Todas as tentativas de crescimento devem agora ser percebidas apenas como correções das tendências de baixa. Uma nova tendência de alta provavelmente começará a se formar perto da marca de US$10 Bitcoin. Será necessário acompanhar de perto as figuras em formação. Ao mesmo tempo, a zona de resistência – que precisará ser superada para formar uma nova tendência ascendente – diminuirá, fazendo com que, portanto, seja mais fácil quebrar a tendência.

Análise de preço do Bitcoin: uma meia-volta está por perto. BTCSoul.com

BTC/USD, gráfico diário

Chrys
Chrys é fundadora e escritora ativa do BTCSoul. Desde que ouviu falar sobre Bitcoin e criptomoedas ela não parou mais de descobrir novidades. Atualmente ela se dedica para trazer o melhor conteúdo sobre as tecnologias disruptivas para o website.

Compartilhe!

Leave a Comment