Análise dos preços das altcoins: permanecendo na sombra do Bitcoin

Análise dos preços das altcoins: permanecendo na sombra do Bitcoin

Publicado em 9 de novembro de 2017 por

A criptocomunidade está em antecipação ao hardfork SegWit2x. Este evento está introduzindo incerteza em todo o mercado, já que na criptocomunidade ainda não há uma posição inequívoca em relação à sua conveniência. Há muitas perguntas: não está claro à qual rede a maioria das empresas líderes dará prioridade e atribuirá o marcador BTC, como a nova moeda será chamada no final das contas, etc.

No momento, carteiras e Exchanges referem-se às redes resultantes da divisão da seguinte forma:

Publicidade

Publicidade

  • BT1 e BT2 — Blockchain.info;
  • Bitcoin-1x e Bitcoin-2x, Ledger;
  • BTC e B2X, GDAX, Trezor.

Um critério fundamental é a obtenção de novas moedas. Uma vez que os desenvolvedores do B2X não planejam implementar proteção contra a repetição de transações, os usuários terão de separar manualmente as moedas para usar ambas as cadeias. Ao mesmo tempo, no momento, não há instruções sobre tal separação.

No entanto, como no caso dos hardforks anteriores, a maneira mais rápida de obter novas moedas é armazená-las em carteiras que suportam SegWit2x e para quais usuários possuem chaves privadas. As Exchanges, como de costume, congelarão a entrada/retirada de fundos durante o período de execução do hardfork e subsequentemente, creditarão novas moedas de acordo com seus regulamentos internos.

Na véspera do hardfork, o Bitcoin continua a crescer, atualizando altos históricos. Por exemplo, no momento, podemos observar a tentativa de testar o nível de US$7.000.

Quanto aos futuros do SegWit2x, em comparação com a a semana passada, o preço atualizou novos máximos – 0,3 BTC e US$2.247. No momento, esses derivados são negociados em 0,2 BTC e US$1.400.

Análise dos preços das altcoins: permanecendo na sombra do Bitcoin. BTCSoul.com

É precisamente o hardfork implicando a distribuição de moedas livres que explica as tendências bullistas do Bitcoin. Apesar da sobrecompra do BTC, a tendência ou pelo menos as tentativas de se mover para cima, provavelmente continuarão no futuro.

Assim, o capital principal no mercado de criptomoedas continua a fluir para o Bitcoin, vindo de fora, bem como migrando das altcoins. Isto é mostrado, em particular, pelo índice de dominância da Primeira Criptomoeda, que novamente voltou a valores acima de 60%.

Vamos ver agora o que está acontecendo no mundo das altcoins. Olhando para frente, você pode dizer que não há muitos eventos. Com raras exceções, se trata de um movimento plano ou uma pequena correção (a correlação inversa à correção do BTC).

Bitcoin Cash

Análise dos preços das altcoins: permanecendo na sombra do Bitcoin. BTCSoul.com

Análise dos preços das altcoins: permanecendo na sombra do Bitcoin. BTCSoul.com

Bitcoin Cash, o fork da primeira criptomoeda, está em uma tendência ascendente local. No gráfico do dólar, o ativo tocou em algum momento a marca de US$670 (um dos níveis Fibo e máximo local no início de setembro) e atualmente está negociando no corredor de preços entre os níveis de Pivô R2 e R3 (US$560 e US$655 respectivamente).

Dada a dinâmica geral do movimento, o recurso provavelmente tentará quebrar o nível R3 para cima, onde a próxima barreira é o preço de US$750 por moeda. No entanto, para isso, o gráfico BCH / BTC provavelmente terá que superar o nível R1 (0.092), que também é o nível Fibo. A correção deste ativo em relação à primeira criptomoeda é uma das maiores, o que é provavelmente facilitado por um histórico positivo.

Análise dos preços das altcoins: permanecendo na sombra do Bitcoin. BTCSoul.com

Em termos de volume de negócios, o ativo ocupa o segundo lugar, mas deve-se notar que esse indicador aumentou ligeiramente em relação à semana passada.

Ethereum

Análise dos preços das altcoins: permanecendo na sombra do Bitcoin. BTCSoul.com

O par ETH/BTC está se consolidadando entre os níveis de Pivô S1 e S2 dentro de um canal estreito de 0,040-0,043. Ao mesmo tempo, a tendência descendente continua. Além disso, as tentativas de quebrar o nível S2 (0,038) para baixo são bastante prováveis. O ativo está próximo das marcas de meados de abril deste ano, quando começou o rápido crescimento da grande maioria dos criptoativos.

Análise dos preços das altcoins: permanecendo na sombra do Bitcoin. BTCSoul.com

O Ethereum negociado contra o dólar ainda está preso na área de US$300. A faixa de preços diminuiu ligeiramente e atualmente é de US$290-305. O preço está claramente estabilizado e, se a situação atual continuar, fornece uma constante muito boa para o cálculo da proporção de ETH para BTC. Em outras palavras, se a proporção de ETH para USD permanecer inalterada, então os pares BTC/USD e ETH/BTC serão inversamente correlacionados ao valor inalterado (correlação inversa).

Litecoin

Análise dos preços das altcoins: permanecendo na sombra do Bitcoin. BTCSoul.com

O Litecoin continua o declínio contra o Bitcoin e, no momento, é corrigido a partir do nível do Pivô S2 (0,0074), aproximando-se do nível S1 em torno de 0,0084. É improvável que o ativo venha a superá-lo, mas vale à pena observar a tentativa. Provavelmente, a correção terminará e o movimento descendente será continuado, tocando o nível S1.

Ethereum Classic

Análise dos preços das altcoins: permanecendo na sombra do Bitcoin. BTCSoul.com

O ETC emparelhado com o Bitcoin também mostrou uma pequena correção positiva, tendo testado o nível mensal de Pivô. Evidentemente, isso não pode ser chamado de mudança de tendência (pelo menos até a quebra confiavel de PP – 0,00205), no entanto, se olharmos o gráfico ETC/USD, a situação se torna mais interessante:

Análise dos preços das altcoins: permanecendo na sombra do Bitcoin. BTCSoul.com

O Ethereum Classic superou várias marcas importantes aqui e agora está testando o nível de espelho R2, em torno de US$13,8. Ao quebrá-lo para cima, o ativo retornará à faixa de US$13-20, onde foi negociado até o crescimento ativo do Bitcoin. A natureza do movimento deste ativo implica a saída do canal atual de US$10-13 para níveis mais altos.

Monero

Análise dos preços das altcoins: permanecendo na sombra do Bitcoin. BTCSoul.com

A criptomoeda Monero marcou claramente a linha de suporte global (a linha vermelha inferior). O ativo foi ativamente comprado e agora é corrigido localmente em torno da marca de 0,015. Isso também não necessariamente indica uma mudança de tendência. Além disso, quando a dita linha de suporte for quebrada, o ativo pode cair muito mais. Muito provavelmente, num futuro mais próximo, veremos novas tentativas de fazê-lo.

Resumindo: continuamos a viver em antecipação ao SegWit2x e ao hardfork do Bitcoin Cash. Em geral, os próximos eventos têm um efeito positivo nos preços do Bitcoin e do BCH, mas as demais moedas não estão muito bem (com raras exceções, elas permanecem paradas ou continuam a cair). Podemos assumir que essa situação continuará.

É importante para os criptoinvestidores pensar sobre a melhor opção para a obtenção de novas moedas como resultado do hardfork SegWit2x. Ao mesmo tempo, é necessário realizar operações comerciais no período de incerteza geral pré-fork com extrema cautela.

Chrys
Chrys é fundadora e escritora ativa do BTCSoul. Desde que ouviu falar sobre Bitcoin e criptomoedas ela não parou mais de descobrir novidades. Atualmente ela se dedica para trazer o melhor conteúdo sobre as tecnologias disruptivas para o website.

Leave a Comment