Autoridades sul-coreanas examinam as maiores corretoras de criptomoedas do país

Para desenvolver tecnologias de Blockchain, as autoridades financeiras da Coréia do Sul estão preparando um plano para a legalização das Ofertas Iniciais de Moedas (ICO), que se tornarão novamente um alvo para investimentos por parte de investidores locais.

Publicado em 23 de dezembro de 2017 por

O governo da Coréia do Sul começou a verificar as 13 maiores corretoras de criptomoedas do país, incluindo a Bithumb, Coinone, Korbit e Upbit. De acordo com especialistas, os sistemas de segurança de muitos sites “não atendem aos requisitos necessários”, informa o site Bitcoin.com.

Entre outras coisas, a inspeção verifica os sites para “violações e condições injustas nos acordos de usuário”. Além disso, a partir de 2018, as corretoras Bithumb, Coinone, Korbit e Upbit serão obrigadas a aprovar a certificação do ISMS sob a supervisão da Comissão de Comunicações (KCC) da Coréia do Sul.

Publicidade

Publicidade

O ISMS certifica os sistemas de segurança da empresa com receitas anuais superiores a 10 bilhões de won e atendimento diário de mais de 1 milhão de pessoas. Por sua vez, as pequenas e médias corretoras que não atendem a esses parâmetros permanecerão sob a supervisão do KCC.

Por fim, durante incursões, as autoridades responsáveis ​​pela aplicação da lei descobriram que os sistemas de segurança de muitas Exchanges não atendem aos requisitos básicos, sendo que foi notado que as carteiras de usuários são fáceis de quebrar se utilizado um conjunto de “ferramentas básicas padrão”.

Mais cedo, organizações de poder da Coréia do Sul decidiram as regras para a regulamentação das corretoras de ativos criptográficos no âmbito da nova estratégia AML.

Publicidade

Publicidade

Também informamos no outro dia o anúncio do fechamento e o início do processo de falência da corretora de criptomoedas sul-coreana YouBit, que por duas vezes foi vítima de hackers.

 

Chrys

Chrys é fundadora e escritora ativa do BTCSoul. Desde que ouviu falar sobre Bitcoin e criptomoedas ela não parou mais de descobrir novidades. Atualmente ela se dedica para trazer o melhor conteúdo sobre as tecnologias disruptivas para o website.

Compartilhe!

Leave a Comment