Avaí FC anuncia planos de arrecadar US$20 milhões em ICO

O Avaí FC, clube brasileiro de futebol, anunciou que está trabalhando em sua própria criptomoeda e planeja conduzir uma Oferta Inicial de Moedas (ICO) com o objetivo de arrecadar US$20 milhões.

Publicado em 13 de setembro de 2018 por

O Avaí FC, clube brasileiro de futebol, anunciou que está trabalhando em sua própria criptomoeda e planeja conduzir uma Oferta Inicial de Moedas (ICO) com o objetivo de arrecadar US$20 milhões. Isso foi relatado pela CoinDesk.

Sabe-se que a criptomoeda se tornará parte do ecossistema digital para fãs e visará ajudar o clube a entrar na Série A e competir pela Copa Libertadores. Representantes do Avaí FC estão certos de que uma ICO será suficiente para ajudar no arrecadamento de dinheiro para desenvolvimento da infraestrutura do time.

Planeja-se vender 20,46 milhões de tokens a US$1 cada, sendo que o Avaí deixará 1,54 milhões de tokens (ou 7%) do volume total de emissões.

Para emitir tokens, a diretoria do clube trabalhará com a SportyCo e Blackbridge Sports. O lançamento da ICO está agendado para o dia 3 de outubro.

“Com nossa ICO, estamos promovendo ativamente o clube Avaí em Florianópolis e por todo o Brasil. Estamos trabalhando para nos tornamos participantes estáveis da Série A do Brasileirão e competir na Copa Libertadores. Estamos felizes em trabalhar com a SportyCo e nos tornar a primeira companhia de esportes a recorrer a uma Oferta Inicial de Moedas. Pavimentaremos a estrada para outros clubes ao redor do mundo e os ajudaremos e financiar eventos de esportes com esse método inovador”, afirmou Francisco José Battistotti, presidente do Avaí Futebol Clube.

Marko Filej, cofundador da SportyCo, salientou que investidores que comprarem os tokens serão capazes de negociá-los em corretoras, ou comprar ingressos, produtos e outros “itens únicos”.

O Avaí FC planeja receber um financiamento de até US$8 milhões, sendo que, caso o valor arrecadado não chegue ao montante inicial planejado, todos os fundos serão retornados. Por outro lado, caso os investimentos alcancem a faixa de US$8 milhões a US$20 milhões, os tokens remanescentes serão queimados.

Ainda em menção ao universo do futebol, lembramos que anteriormente, a UEFA anunciou o teste bem-sucedido de um sistema de Blockchain para a venda de ingressos.

Chrys
Chrys é fundadora e escritora ativa do BTCSoul. Desde que ouviu falar sobre Bitcoin e criptomoedas ela não parou mais de descobrir novidades. Atualmente ela se dedica para trazer o melhor conteúdo sobre as tecnologias disruptivas para o website.

Compartilhe!

Leave a Comment