Barry Silbert e Coinbase lideram grupo que protege interesses da indústria criptomonetária

Hoje vamos dar uma olhada no conceito de um nó, a ideia de descentralização, a segurança e o uso da blockchain.

Publicado em 12 de setembro de 2018 por

Várias grandes empresas criptomonetárias e de Blockchain anunciaram a criação de uma associação de Blockchain, o primeiro grupo de lobby que representará a indústria em Washington. Isso foi relatado pelo Washington Post.

A nova associação inclui empresas líderes no campo de criptomoedas, incluindo a corretora Coinbase, a startup tecnológica Protocol Labs e as empresas Digital Currency Group, de Barry Silbert e Polychain Capital.

A nova organização sediada em Washington alega que seu principal objetivo será a representação da indústria no sistema político dos EUA, sendo que para isso, concentrará suas atividades nas questões educacionais e na normalização das relações com as autoridades na área de regulação e tributação.

O grupo também trabalhará com os legisladores em documentos regulatórios nas áreas de combate à lavagem de dinheiro e identificação de usuários e na aplicação desses regulamentos dentro da indústria.

“Esta é uma tentativa de unir as principais empresas do setor e mostrar aos representantes do governo que a indústria de Blockchain aceita uma regulamentação adequada. Não pretendemos enganar o sistema, e sim desenvolver um sistema legal e regulatório que resista ao teste do tempo”, afirmou Mike Lemper, advogado chefe e diretor de risco da Coinbase.

Jerry Brito, diretor-executivo do Coin Center, um grupo de pesquisa sem fins lucrativos e proteção de direitos humanos, disse que o surgimento de uma associação de Blockchain evidencia o amadurecimento da indústria.

Uma das primeiras funcionárias da nova associação foi a ex-árbitra do Senado dos EUA e a lobista de Blockchain da empresa Overstock, Christine Smith, que assumirá a função de desenvolvimento do curso da organização no estágio inicial de sua existência.

“Passei muito tempo trabalhando na disseminação de conhecimentos básicos nesta área, e estou feliz por poder lidar exclusivamente com essas questões”, ressaltou Christine Smith.

Vale notar que em fevereiro, Rob Joyce, um assistente especial do presidente dos EUA e coordenador do Departamento de Segurança Cibernética da Casa Branca, enfatizou que um longo caminho ainda deve ser percorrido antes que o governo dos EUA à regulamentação do Bitcoin e de outras criptomoedas.

Chrys
Chrys é fundadora e escritora ativa do BTCSoul. Desde que ouviu falar sobre Bitcoin e criptomoedas ela não parou mais de descobrir novidades. Atualmente ela se dedica para trazer o melhor conteúdo sobre as tecnologias disruptivas para o website.

Compartilhe!

Leave a Comment