BCH mostra forte crescimento em contexto de hardfork

No dia 15 de maio, foi minerado o bloco de número 530.356 na rede Bitcoin Cash, e dentro dele ocorreu o fork, que resultou no aumento anteriormente anunciado de 8 para 32 MB.

Publicado em 5 de novembro de 2018 por

Nos últimos dois dias, o principal fork do Bitcoin, o BCH, cresceu em mais de 25%: de US$425 para US$540. No dia 15 de novembro, a rede do ativo terá seu próprio hardfork, o que gerou um grande conflito interno.

Dados fornecidos por: TradingView

Assim, o autoproclamado “Satoshi Nakamoto” Craig Wright, pesquisador sênior da startup nChain, juntamente com uma parte dos mineradores do Bitcoin Cash liderados pelo pool Coingeek, estão promovendo o cliente Bitcoin SV, que, em sua opinião, reflete com mais precisão a visão original do criador do Bitcoin.

No entanto, o software da nChain é incompatível com o cliente mais popular para os nós completos na rede BCH: o Bitcoin ABC, apoiado pelo fundador da Bitmain, Jihan Wu. Muitos observadores estão convencidos de que o conflito resultará em uma divisão da rede em duas cadeias.

Enquanto isso, o volume diário de negociação em BCH aumentou de US$225 milhões (no dia 3 de novembro) para US$930 milhões (no dia 4 de novembro) – provavelmente, muitos investidores esperam aumentar suas participações de BCH nas carteiras criptomonetárias a fim de obter um número equivalente de moedas no caso de uma divisão.

Note que o suporte para o Bitcoin ABC, que está vindo em breve, já foi anunciado pela Binance, pela OKEx e pela Coinbase.

A próxima versão é compatível com os seguintes clientes:

  • Bitcoin ABC 0.18.2;
  • Bitcoin Unlimited Cash Edition 1.5.0.0;
  • bcoin – bcash 1.1.0.

Lembramos que de acordo com a BitMEX, antes do início do teste de estresse da rede Bitcoin Cash, o número de transações SegWit era 95% maior do que os indicadores do fork de agosto.

Chrys
Chrys é fundadora e escritora ativa do BTCSoul. Desde que ouviu falar sobre Bitcoin e criptomoedas ela não parou mais de descobrir novidades. Atualmente ela se dedica para trazer o melhor conteúdo sobre as tecnologias disruptivas para o website.

Compartilhe!

Leave a Comment