Bitpay: novos participantes do setor elevarão preço do BTC para US$20 mil

A correção do Bitcoin em 2018 não repetirá cenário de quatro anos atrás devido a significativas mudanças na estrutura do mercado. Esta suposição foi feita pelo analista e investidor de criptomoedas Willie Wu

Publicado em 24 de novembro de 2018 por

Em 2019, o preço do Bitcoin pode subir para US$15 mil e até mesmo chegar a US$20 mil. Essa previsão foi feita em entrevista à Bloomberg pelo diretor comercial do serviço Bitpay, Sonny Singh.

Segundo ele, o Bitcoin tem uma excelente reputação e, no primeiro trimestre de 2019, a criptomoeda se tornará uma commodity viável.

No entanto, ele acrescentou que “não será observado nenhum movimento dos preços, seja para cima ou para baixo, por um longo tempo, até que uma nova direção apareça para o Bitcoin”.

Ele citou as plataformas Bakkt e Fidelity Digital Assets, bem como a iniciativa da BlackRock, como os principais impulsionadores de crescimento para a indústria.

Singh também expressou grandes esperanças para a transformação estrutural da própria indústria de criptomoedas, incluindo a possível IPO da Coinbase, principal empresa criptomonetária americana – esta última refutou tais rumores.

Sonny Singh martelou mais um prego ao caixão da indústria de ICO:

“Acho que é seguro dizer que agora o mercado de ICOs está praticamente morto. Talvez algumas altcoins sobrevivam, mas nenhuma delas vai conseguir fazê-lo se o Bitcoin não sobreviver”.

Chrys
Chrys é fundadora e escritora ativa do BTCSoul. Desde que ouviu falar sobre Bitcoin e criptomoedas ela não parou mais de descobrir novidades. Atualmente ela se dedica para trazer o melhor conteúdo sobre as tecnologias disruptivas para o website.

Compartilhe!

Leave a Comment