CME Group publica primeiro relatório sobre futuros de Bitcoin

Quase quatro meses após o lançamento dos futuros do Bitcoin, o Chicago Mercantile Exchange (CME Group) forneceu dados à Commodity Futures Trading Commission (CFTC) sobre as posições dos traders.

Publicado em 16 de Abril de 2018 por

Quase quatro meses após o lançamento dos futuros do Bitcoin, o Chicago Mercantile Exchange (CME Group) forneceu dados à Commodity Futures Trading Commission (CFTC) sobre as posições dos traders. Isso foi relatado pelo portal Fxteam.ru.

Este é o primeiro relatório deste tipo, cuja publicação foi adiada devido ao fato de que, de acordo com as regras da corretora, seria necessário ter pelo menos 30 participantes da negociação para sua preparação. Note que, no entanto, grandes fundos ainda não demonstram alta atividade neste mercado, sendo que o número necessário de participantes nunca foi atingido.

O primeiro relatório de COT (Commitments of Traders) incluiu dados sobre 20 participantes.

A principal diferença entre os contratos para Bitcoin do CME e da Bolsa de Opções de Chicago (CBOE) é que o contrato do primeiro é cinco vezes maior que o contrato do segundo e equivale a cinco Bitcoins. O depósito para o contrato no CME é muito maior, e quem geralmente negocia lá são participantes do mercado de porte maior.

O relatório COT é de interesse aos criptotraders, pois mostra o posicionamento do mercado e os sentimentos de seus participantes.

CME Group publica primeiro relatório sobre futuros de Bitcoin. BTCSoul.com

No momento, os grandes especuladores (Non-Commercial) compraram 1.077 contratos de Bitcoins, vendendo 1.315 contratos. O número de contratos vendidos (shorts) excede o número de cotratos comprados (longs) em 22%, e isso mostra um sentimento moderadamente baixo no mercado. A propósito, no CBOE, os shorts excedem os longs com grandes especuladores em 46%, contudo, na última semana este número diminuiu, refletindo um aumento no sentimento de touros em relação às criptomoedas.

Hedgers (Commercial) – este grupo de participantes do mercado sempre abre posições contra grandes especuladores, tanto no CME quanto no CBOE, mas não se envolvem nas negociações.

Pequenos especuladores (Nonreportable Positions) são pequenos traders com posições insignificantes que geralmente representam muita influência no mercado – no mercado de futuros de Bitcoins, eles geralmente negociam contra grandes especuladores. Pequenos especuladores atualmente possuem 599 contratos para compra e 361 contratos para venda. O número de seus longs excede o número de shorts em 66%, e eles tendem a esperar o crescimento do Bitcoin.

Não há dados sobre mudanças nas posições durante a semana do primeiro relatório, e é impossível tirar conclusões sobre as últimas mudanças no sentimento do mercado – esses dados surgirão em uma semana.

No entanto, como relatado anteriormente pelo CME Group, nos últimos tempos, volumes de negociação de futuros para Bitcoin cresceram significativamente: segundo a empresa, em dezembro, o volume médio diário negociado foi de cerca de 1,6 mil contratos, sendo que em apenas três meses, esse número aumentou para 2,5 mil contatos. 30% desse volume é fornecido fora dos EUA, dos mercados asiáticos. Em fevereiro, mais de 400 contatos foram negociados diariamente durante a sessão asiática.

Futuros de Bitcoin no CME foram lançados em dezembro de 2017. Os contratos estão disponíveis na plataforma CME Globex com base em liquidação financeira e baseiam-se na Taxa de Referência de Bitcoin CME CF (BRR), a taxa de referência do Bitcoin em relação ao dólar americano, compilada pelo CME Group, baseando-se em dados da Bitstamp, GDAX , itBit e da Kraken.

Chrys
Chrys é fundadora e escritora ativa do BTCSoul. Desde que ouviu falar sobre Bitcoin e criptomoedas ela não parou mais de descobrir novidades. Atualmente ela se dedica para trazer o melhor conteúdo sobre as tecnologias disruptivas para o website.

Compartilhe!

Leave a Comment