Contas de Bitmain no WeChat são bloqueadas

Publicado em 11 de setembro de 2018 por

O messenger chinês WeChat bloqueou contas relacionadas à venda de equipamentos de mineração da Bitmain e à análise de movimentos de preços das criptomoedas. Isso foi relatado pela CoinDesk.

Em particular, em 10 de setembro, o canal oficial do fabricante de equipamentos para mineração foi incluído na “lista negra” do serviço.

“O WeChat analisou esta conta devido a reclamações de usuários e descobriu que a conta publicava e divulgava informações sobre negócios sem ter uma autorização ou licença”, anunciou o comunicado do mensageiro.

A segunda conta da Bitmain (antminer_official), no entanto, continua disponível no WeChat. Representantes da Bitmain se recusaram a comentar a situação.

O operador do canal Goldcoins, que anteriormente publicou análises e previsões do mercado de criptomoedas também relatou problemas ao acessar sua conta. A conta do projeto Delphy, que está desenvolvendo um análogo do mercado de previsões Augur na base da Blockchain do Ethereum, parece ter sofrido o mesmo.

Em ambos os casos, o WeChat citou para justificar o bloqueio os mesmos motivos usados para explicar o bloqueio das contas da Bitmain.

O WeChat, originalmente desenvolvido pela gigante de tecnologia chinesa Tencent, começou a bloquear contas de mídia relacionadas à Blockchain e criptomoedas no final de agosto. Acredita-se que mais de 30 contas tenham sido bloqueadas até o momento.

Chrys
Chrys é fundadora e escritora ativa do BTCSoul. Desde que ouviu falar sobre Bitcoin e criptomoedas ela não parou mais de descobrir novidades. Atualmente ela se dedica para trazer o melhor conteúdo sobre as tecnologias disruptivas para o website.

Compartilhe!

Leave a Comment