Emercoin introduz plataforma de Blockchain para combater desinformação e falsificação de dados

O fornecedor de soluções de Bitcoin e Blockchain, BitFury Group, juntamente ao First Block Capital, anunciou investimentos na startup Emercoin.

Publicado em 25 de outubro de 2018 por

A coalizão da Design 4 Democracy, do Blockchain Trust Accelerator, do National Democratic Institute e a startup Emercoin desenvolveram e testaram uma plataforma para proteger a integridade de informações importantes relacionadas a processos eleitorais. Isso foi afirmado no site da Emercoin.

A plataforma democracynotary.org foi testada durante um recente referendo na Macedônia sobre a questão da aprovação de um tratado com a Grécia, que envolve a mudança do nome do país. Sua tarefa era autenticar relatórios públicos envolvendo o processo de realização do referendo, a fim de fornecer documentos oficiais verificados e proteger a autenticidade e integridade das declarações à luz da disseminação da desinformação.

“Manipulação dos fatos é um dos problemas mais comuns da sociedade moderna. Juntamente com os nossos parceiros, desenvolvemos uma solução baseada na Blockchain da Emercoin, destinada a proteger a integridade dos documentos utilizados no decorrer de eventos semelhantes ao referendo na Macedônia. O sistema tem todas as vantagens das tecnologias descentralizadas: alta segurança, transparência e confiança”, afirmou Konstantin Bigus, sócio-gerente da Emercoin.

A solução desenvolvida é universal e pode ser usada no decorrer de outros eventos que exigem a publicação de dados importantes, cuja falsificação pode levar à desconfiança das organizações estatais. Seus principais componentes estarão disponíveis para o público.

O Design 4 Democracy Coalition é uma organização que defende a democracia e os direitos humanos em todo o mundo. A organização utiliza tecnologias inovadoras para garantir a integridade das informações e impedir a disseminação de fatos falsos e enganosos. Conforme declarado pelos representantes da organização, eles estão trabalhando para entender os problemas e ameaças da área da interseção entre a democracia e a tecnologia.

“O problema da desinformação via piorar ainda mais antes que aconteça uma mudança para melhor. É imperativo que a indústria de tecnologia e a comunidade democrática trabalhem juntas e explorem uma ampla gama de soluções potenciais que resolveriam o problema da desinformação”, salientou Chris Doten, principal especialista em inovação da NDI.

Lembramos que em setembro, foi introduzido o serviço Emernotar, que, usando a tecnologia de Blockchain, protege a integridade de documentos digitais e arquivos de mídia, os direitos autorais e identifica os usuários de maneira segura.

Chrys
Chrys é fundadora e escritora ativa do BTCSoul. Desde que ouviu falar sobre Bitcoin e criptomoedas ela não parou mais de descobrir novidades. Atualmente ela se dedica para trazer o melhor conteúdo sobre as tecnologias disruptivas para o website.

Compartilhe!

Leave a Comment