“Gazprom Neft” usa Blockchain na logística de transporte de material

A empresa russa Gazprom Neft testou a tecnologia de registro distribuído no setor de logística. Como o serviço de imprensa da empresa informou, o sistema foi utilizado para a entrega de válvulas de pipeline produzidas em Veliky Novgorod para a plataforma Prirazlomnaya no Mar de Pechora.

Publicado em 7 de Fevereiro de 2018 por

A empresa russa Gazprom Neft testou a tecnologia de registro distribuído no setor de logística. Como o serviço de imprensa da empresa informou, o sistema foi utilizado para a entrega de válvulas de pipeline produzidas em Veliky Novgorod para a plataforma Prirazlomnaya no Mar de Pechora.

Segundo eles, tags de radiofrequência (RFID) e um sensor de GPS foram instalados na carga.

Publicidade

Publicidade

“Na fase de embarque do fabricante em Veliky Novgorod, depois de ler as etiquetas RFID, foi criado um documento com informações sobre a entrega. O sensor GPS permitiu controlar o movimento da carga até o armazém em Murmansk – a velocidade de seu movimento, bem como o número e a duração das paradas ao longo do caminho “, observaram os representantes da Gazprom Neft.

Informações sobre a entrega ao armazém, transferência aos cais e a entrega ao destinatário final foram transmitidas da mesma forma.

“A Blockchain forneceu um link inseparável entre o fornecimento físico, todos os processos de acompanhamento e fluxo de trabalho, e também permitiu que todos os participantes do processo tivessem acesso a informações confiáveis de forma criptografada”, acrescentou a empresa.

Vale lembrar que no início de janeiro, a empresa chinesa Shandong Bohi Industry utilizou pela primeira vez uma plataforma baseada em Blockchain para a venda de soja ao agronegócio americano Louis Dreyfus.

Chrys
Chrys é fundadora e escritora ativa do BTCSoul. Desde que ouviu falar sobre Bitcoin e criptomoedas ela não parou mais de descobrir novidades. Atualmente ela se dedica para trazer o melhor conteúdo sobre as tecnologias disruptivas para o website.

Compartilhe!

Leave a Comment