Google trabalha em seu próprio DLT baseado em Blockchain

O Google está trabalhando em seu próprio registro distribuído baseado em Blockchain. A tecnologia deve fortalecer os serviços de nuvem da empresa e torná-la mais competitiva em comparação com jovens iniciantes que já trabalham em um ambiente online.

Publicado em 22 de Março de 2018 por

O Google está trabalhando em seu próprio registro distribuído baseado em Blockchain. A tecnologia deve fortalecer os serviços de nuvem da empresa e torná-la mais competitiva em comparação com jovens iniciantes que já trabalham em um ambiente online.

Segundo um dos interlocutores da publicação, o acesso ao cadastro estará aberto a terceiros para envio e verificação de transferências. A data de lançamento do DLT é desconhecida, mas a tarefa principal é clara: a diferenciação dos serviços de nuvem do Google em relação a serviços similares de concorrentes.

Em 2016, o Google lançou um programa de teste para que desenvolvedores usassem Blockchain em suas nuvens. Nos últimos meses, membros de um grupo especial sob o controle da chefe do departamento de serviços de nuvem, Diane Greene, trabalharam ativamente em protocolos melhorados de Blockchain. Além disso, o gigante online continua a adquirir e investir em startups com experiência em DLT. Juntos, esses fatos, assim como a evidência de algumas fontes, indicam que a empresa está se preparando para a introdução em larga escala da tecnologia.  

Concorrentes do Google usam listas distribuídas – uma base que garante o volume de negócios e a produção de todas as moedas criptográficas – para armazenar históricos de transações com segurança e processar dados via Internet. Adaptar essas tecnologias permitiria que o Google fortalecesse a segurança desses clientes e ganhasse mais confiança.

Com todo o entusiasmo do Google em relação à tecnologia de Blockchain, a empresa assumiu uma posição exclusivamente negativa em relação às criptomoedas – pelo menos por enquanto. Lembre-se de que em julho, a política de publicidade atualizada da corporação, que proíbe a promoção de tudo relacionado a ativos virtuais, ICOs, carteiras e corretoras de criptomoedas, entra em vigor.

Chrys
Chrys é fundadora e escritora ativa do BTCSoul. Desde que ouviu falar sobre Bitcoin e criptomoedas ela não parou mais de descobrir novidades. Atualmente ela se dedica para trazer o melhor conteúdo sobre as tecnologias disruptivas para o website.

Compartilhe!

Leave a Comment