HitBTC suspende atividades no Japão

Devido à impossibilidade de realizar transações, usuários da Exchange HitBTC têm tido problemas com a retirada de todos os ativos criptográfico por mais de duas semanas.

Publicado em 4 de junho de 2018 por

A HitBTC suspendeu o serviço a moradores do Japão. Isto foi confirmado no site oficial da organização, especificamente na seção de informações jurídicas.

Usuários com endereços japoneses de IP serão solicitados a se submeterem a um procedimento KYC para provar que não são residentes no Japão.

Publicidade

Publicidade

“Você não pode usar nossos serviços se for residente ou se tornar um residente de um estado ou região onde a HitBTC não tenha o direito de negociar. De acordo com a Lei de Serviços de Pagamento do Japão, a HitBTC suspendeu temporariamente a prestação de serviços para residentes do Japão”, diz a seção “Restrições de Serviço”.

Mais tarde no domingo, a corretora publicou um aviso confirmando que as novas regras “serão aplicadas apenas para aqueles que moram no Japão”.

Lembre-se de que anteriormente, a empresa Karma Group entrou com uma ação contra a HitBTC no tribunal de Hong Kong, acusando-a de fraude – segundo o autor do processo, a corretora não cumpriu com suas obrigações de listar os tokens Karma (KRM).

Chrys
Chrys é fundadora e escritora ativa do BTCSoul. Desde que ouviu falar sobre Bitcoin e criptomoedas ela não parou mais de descobrir novidades. Atualmente ela se dedica para trazer o melhor conteúdo sobre as tecnologias disruptivas para o website.

Compartilhe!

Leave a Comment