IBM recebe concessão do Estado de Delaware para desenvolver serviço piloto de Blockchain para negócios

A gigante americana de tecnologia IBM recebeu uma concessão de US$738 mil das autoridades de Delaware para o desenvolvimento de um protótipo do sistema corporativo para projetos de negócios contábeis com base na Blockchain.

Publicado em 11 de julho de 2018 por

A gigante americana de tecnologia IBM recebeu uma concessão de US$738 mil das autoridades de Delaware para o desenvolvimento de um protótipo do sistema corporativo para projetos de negócios contábeis com base na Blockchain. Isso foi relatado pelo Delawareonline.

O Estado usará o protótipo da IBM para determinar como a Blockchain pode ajudar as empresas que são registradas na região. Nesse contexto, as autoridades de Delaware estão procurando fornecer estabilidade legal e regulatória para a tecnologia de registro distribuído.

Defensores da Blockchain em Delaware argumentam que a segurança da tecnologia permitirá que o Estado reduza as comissões de apresentação de documentos, para que a região possa se tornar um lugar favorável para o desenvolvimento de negócios no país.

O vice-secretário de Estado, Christopher Knight, comparou o papel da IBM com um arquiteto que está criando um projeto de arranha-céu antes do início da construção.

De acordo com Knight, o sistema de Blockchain da IBM permitirá que a região evite erros que outros Estados permitem devido ao planejamento inadequado da implementação de projetos tecnológicos.

Ainda em referência à IBM, vale ressaltar que anteriormente foram divulgadas informações de que a empresa se tornaria uma parceira tecnológica do governo australiano em questões de implementação da Blockchain. Por fim, também foi relatado que a gigante tecnológica lançará um curso educacional gratuito sobre Blockchain na Índia.

Chrys
Chrys é fundadora e escritora ativa do BTCSoul. Desde que ouviu falar sobre Bitcoin e criptomoedas ela não parou mais de descobrir novidades. Atualmente ela se dedica para trazer o melhor conteúdo sobre as tecnologias disruptivas para o website.

Compartilhe!

Leave a Comment