Como você sabe, recentemente o criador do antivírus McAfee Security, John McAfee, foi levado pelas criptomoedas. No verão passado, ele fez uma declaração anunciando que estava pronto para comer seu próprio pênis, se em três anos o preço da Primeira Moeda não chegasse a US$500 mil. McAfee decidiu não parar por aí e aumentou os riscos.

Como você sabe, recentemente o criador do antivírus McAfee Security, John McAfee, foi levado pelas criptomoedas. No verão passado, ele fez uma declaração anunciando que estava pronto para comer seu próprio pênis, se em três anos o preço da Primeira Moeda não chegasse a US$500 mil. McAfee decidiu não parar por aí e aumentou os riscos.

Segundo ele, prevendo o preço do Bitcoin em US$500 mil no final de 2020, usou o modelo segundo o qual o preço da criptomoeda ao fim de 2017 seria de US$5 mil. No entanto, devido a um aumento mais rápido no preço do Bitcoin, McAfee também revisou sua previsão.

“Agora eu prevejo um milhão de dólares até o final de 2020. E ainda estou pronto para comer meu pênis“.

Anteriormente, John McAfee afirmou que as autoridades chinesas estavam corretas em relação aos muitos esquemas fraudulentos associados às ICOs, mas ao mesmo tempo, expressou uma convicção de que os reguladores estaduais não podem parar o Bitcoin.

Ao mesmo tempo, em discussões no Reddit, vários representantes da comunidade do Bitcoin questionaram a sinceridade das crenças do empresário em relação às criptomoedas, lembrando da sua cooperaçãoо com o chefe da Bitmain Technologies, Jihan Wu.