Kraken nega informações sobre demissão de funcionários por problemas financeiros

Uma das mais antigas corretoras criptográficas, a Kraken, anunciou o encerramento de seu trabalho no Japão. Como principal razão para essa decisão, a empresa apontou o aumento do custo das negociações no país.

Publicado em 6 de setembro de 2018 por

A Kraken, uma das mais antigas corretoras de Bitcoin, negou informações que apareceram nas redes sociais a respeito do fechamento do centro de serviços em Halifax e da demissão de funcionários. Isso foi relatado pela Finance Magnates.

Em 6 de setembro, um usuário do Reddit chamado throwaway34034324 escreveu que observou pânico perto do escritório canadense da corretora, e que isso teria sido provocado pela demissão de centenas de funcionários da empresa, bem como pelo fechamento do centro devido a violações de segurança.

O usuário MysteriousPlankton, que supostamente é um dos funcionários do centro, disse que a administração do escritório pediu a mais de 50 funcionários recém-contratados que se demitissem por vontade própria com subsequente pagamento de compensação.

Publicidade

Segundo ele, os funcionários foram informados em um ambiente informal de que, devido à queda do volume de negociação na corretora e à abertura de um novo escritório na Ásia, a empresa teve que reduzir custos.

MysteriousPlankton acrescentou que os funcionários demitidos eram responsáveis por procedimentos relacionados à identificação de clientes, lavagem de dinheiro, segurança e processamento de entradas/saídas de fundos.

Recebendo um pedido para esclarecer a situação, o serviço do suporte ao cliente da Kraken respondeu no Twitter que a empresa não pretende restringir as atividades em determinadas regiões e que não houve nenhuma violação de segurança. Comentários oficiais da empresa ainda não foram recebidos.

Por fim, ainda em relação à Kraken, lembramos que anteriormente, a corretora anunciou que deixaria de trabalhar no Japão por conta do aumento do custo de fazer negócios no país.

Chrys
Chrys é fundadora e escritora ativa do BTCSoul. Desde que ouviu falar sobre Bitcoin e criptomoedas ela não parou mais de descobrir novidades. Atualmente ela se dedica para trazer o melhor conteúdo sobre as tecnologias disruptivas para o website.

Compartilhe!

Leave a Comment