A chamada chave de alarme – a chave privada de Satoshi Nakamoto para o sistema de sinalização da rede Bitcoin – foi divulgada pela primeira vez ao público nesta terça-feira, 3 de julho, durante a conferência Building on Bitcoin 2018, em Lisboa.

Na rede principal do Bitcoin, o bloco de número 504.107, com um tamanho de 2.259 MB, foi extraído – ele é o maior na história da indústria criptomonetária.

Isso se tornou possível graças à implementação do protocolo Segregated Witness (mais conhecido como SegWit) e à introdução do porcionamento de transações.

Ainda em menção ao SegWit, lembramos que anteriormente, o volume de transações conformadas ao protocolo atingiu níveis recordes. Posteriormente, já em junho deste ano, o número de transações a utilizar o Segregated Witness na rede principal do Bitcoin já alcançava 44%.