MyEtherWallet aumentará segurança com ajuda de aplicativo móvel

A conta de Twitter da MyEtherWallet, que há alguns dias, passou por uma mudança de proprietário – e nome –, voltou às mãos da equipe anterior.

Publicado em 24 de julho de 2018 por

Desenvolvedores da popular MyEtherWallet apresentaram um aplicativo móvel projetado para fornecer acesso seguro a contas de usuários, o MEW Connect. Isso foi relatado pelo TechCrunch.

O aplicativo está atualmente disponível na versão beta, mas apenas para usuários do sistema operacional iOS. O lançamento completo do app, juntamente à sua versão para Android, está previsto para setembro.

O MEW Connect funciona de forma bastante simples: em vez de usar uma chave privada, cuja inserção pode representar um risco de segurança, o usuário lê um código QR especial. No futuro, planeja-se adicionar suporte ao TouchID, no entanto, no momento, a função não está disponível. Vale notar que a MyEtherWallet usa serviços da Apple para criptografar o aplicativo.

O aplicativo requer que, no momento da instalação, o usuário especifique uma senha principal (de preferência uma senha bastante confiável), e forneça um conjunto de palavras para restaurá-la:  um sistema semelhante é usado pelas carteiras de hardware da Trezor e da Ledger.

MyEtherWallet aumentará segurança com ajuda de aplicativo móvel. BTCSoul.com

A julgar pelo fato de que tela principal do programa ser projetada na forma de um cartão de plástico, pode-se supor que no futuro, a MEW planeje adicionar suporte a um determinado tipo de pagamento – muito provavelmente a possibilidade de transferência de criptomoedas de uma carteira para outra.

MyEtherWallet aumentará segurança com ajuda de aplicativo móvel. BTCSoul.com

“Esse [suporte para pagamentos] seria a melhor opção para o desenvolvimento no futuro próximo. O suporte para pagamentos será uma enorme vantagem para todo o setor. Mas primeiro queremos que os usuários se acostumem com o conceito do MEW Connect, digitalização do código QR e criação de uma conexão Peer-to-Peer”, apontou Kosala Hemachandra, fundador da MyEtherWallet.

Lembramos que em fevereiro deste ano, uma divisão ocorreu dentro da MyEtherWallet, e como consequência, Taylor Monahan e vários ex-membros da equipe MEW mudaram para o desenvolvimento da carteira concorrente MyCrypto.

Esta última, a propósito, recentemente deixou completamente de trabalhar com chaves privadas. O motivo também é a segurança do usuário.

Chrys
Chrys é fundadora e escritora ativa do BTCSoul. Desde que ouviu falar sobre Bitcoin e criptomoedas ela não parou mais de descobrir novidades. Atualmente ela se dedica para trazer o melhor conteúdo sobre as tecnologias disruptivas para o website.

Compartilhe!

Leave a Comment