Nick Szabo: bolha da tulipa – um clichê para preguiçosas críticas ao Bitcoin

O famoso criptografista e pioneiro no campo dos Contratos Inteligentes, Nick Szabo criticou inúmeros especialistas e analistas que, sem entender a essência do assunto, tratam o Bitcoin e outras criptomoedas como "bolhas" ou "tulipomania".

Publicado em 9 de Março de 2018 por

O famoso criptografista e pioneiro no campo dos Contratos Inteligentes, Nick Szabo criticou inúmeros especialistas e analistas que, sem entender a essência do assunto, tratam o Bitcoin e outras criptomoedas como “bolhas” ou “tulipomania”.

Segundo ele, a “bolha de tulipa” é um popular clichê para preguiçosos críticos que tentam a todo custo ofender um bem cujo preço está crescendo, mas que é absolutamente incompreensível a eles.

“Eles usam o primeiro clichê negativo que vem em suas mentes; não tentaram ou não conseguiram encontrar uma comparação melhor”, escreveu Nick Szabo no Twitter.

Estas palavras soaram em resposta ao comentário de um usuário de que os holandeses nunca poderão esquecer sua própria loucura em torno das tulipas no século XVII.

A discussão começou com uma série de tweets de Szabo, que criticou a Reserva Federal dos EUA, cujos representantes em um recente apelo aos professores americanos disseram que “o dinheiro é tradicionalmente produzido pelo estado”.

“Educação ou propaganda? No mínimo, esta é uma imagem muito incompleta”, enfatizou Szabo.

Tentando preencher algumas lacunas, ele lembrou que bancos e fábricas privadas produziram seu próprio dinheiro no passado não muito distante.

Além disso, Nick Szabo observou que tais nomes de unidades monetárias usuais como “pound”, “drachma” ou “shekel” eram originalmente medidas de peso e que o uso monetário de metais era maior e maior que o de moedas.

Vale ressaltar que no final do ano passado, a empresa Convoy Investments publicou um cronograma onde mostrava as maiores bolhas financeiras da história mundial – nele, o Bitcoin ficou em segundo lugar, perdendo apenas para a “tulipamania” do século 17, sendo que após o poderoso aumento de seu valor em dezembro, a Primeira Moeda apareceu no topo desta classificação.

Em janeiro, foi publicado um relatório da Goldman Sachs, no qual especialistas financeiros analisaram o crescimento da taxa Bitcoin e do Ethereum, bem como os preços das ações de empresas que anunciaram publicamente a introdução da tecnologia de Blockchain em seus processos comerciais. Como resultado, eles chegaram à conclusão de que uma enorme “bolha” se formou em torno da nova indústria, superando em seu tamanho o boom “dotcom” e mesmo a tulipomania.

Chrys
Chrys é fundadora e escritora ativa do BTCSoul. Desde que ouviu falar sobre Bitcoin e criptomoedas ela não parou mais de descobrir novidades. Atualmente ela se dedica para trazer o melhor conteúdo sobre as tecnologias disruptivas para o website.

Compartilhe!

Leave a Comment