Nicolas Maduro eleva preço do El Petro em 2,5 vezes

O presidente da Venezuela, Nicholas Maduro, anunciou o lançamento de um banco de jovens, cujo capital será formado a partir da criptomoedas nacional El Petro.

Publicado em 3 de dezembro de 2018 por

O presidente venezuelano Nicolas Maduro disse que o preço da criptomoeda nacional El Petro subirá de 3,6 mil para 9 mil bolívares. Isso foi relatado pela Bloomberg.

O economista venezuelano Leonardo Buniak disse que com essa decisão, Maduro desvalorizou o bolívar soberano em relação ao El Petro em mais de 100%.

“Vincular o bolívar ao El Petro significa vincula-lo a nada. O El Petro nem pode ser considerado uma criptomoeda, porque seu valor é determinado pelo presidente e não pela relação entre a oferta e a demanda”, disse o economista.

Além disso, o presidente venezuelano aumentou o salário mínimo vinculado ao El Petro de 1,8 mil para 4,5 mil bolívares. Na taxa do mercado negro, o novo salário é de US$9,5 por mês.

Embora o governo emita certificados de compra do El Petro para cidadãos, a carteira para armazenar essa criptomoeda e seu código ainda não estão disponíveis. A moeda digital “garantida pelo petróleo” também não possui dados sobre atividades online e transações confirmadas.

Chrys
Chrys é fundadora e escritora ativa do BTCSoul. Desde que ouviu falar sobre Bitcoin e criptomoedas ela não parou mais de descobrir novidades. Atualmente ela se dedica para trazer o melhor conteúdo sobre as tecnologias disruptivas para o website.

Compartilhe!

Leave a Comment