Ocorre lançamento de versão 1.0 do software EOS

Desenvolvedores da startup Block.one apresentaram a primeira versão do software para a Blockchain EOS.

Publicado em 2 de junho de 2018 por

Desenvolvedores da startup Block.one apresentaram a primeira versão do software para a Blockchain EOSIO.

“Este software permitirá que as empresas criem e executem rapidamente aplicativos seguros e de alto desempenho baseados na tecnologia de Blockchain”, afirmou o comunicado da Block.one.

A EOSIO fornece aos desenvolvedores a capacidade de projetar lógica de negócios compatível a algoritmos de consenso que exigem execução determinística.

O novo software é projetado para funcionar em um ambiente sem tokens, onde os administradores do sistema distribuem cotas de recursos potencialmente ilimitadas.

Dependendo da aplicação, a EOSIO pode fazer uso de dois mecanismos diferentes com base no Web Assembly: Binaryen e WAVM. No momento, a capacidade da Blockchain EOS é de 1 mil transações/segundo, sendo que as próximas versões incluirão atualizações que permitirão que a empresa seja horizontalmente dimensionada.

O lançamento da EOSIO ocorreu de acordo com a licença do Massachusetts Institute of Technology (MIT).

O software da Block.one possui as seguintes características: confirmação de blocos com pequeno atraso (0,5 segundos), natureza completa das transações, invulnerabilidade a erros bizantinos e custos mínimos, completude opcional de transações de alto custo, plataforma para contratos inteligentes baseados em Web Assembly, atrasos seguros de tempo, transações periódicas agendadas, permissões de função hierárquica e outras.

A Block.one também apresentou um portal para desenvolvedores, onde a documentação necessária para o software está localizada.

Ademais, a startup e a empresa de investimentos SVK Crypto, baseada em Londres, anunciaram conjuntamente o lançamento de um novo fundo com US$50 milhões em ativos que visa promover a tecnologia EOS.

Vale ressaltar que o dia 2 de junho, foi o último dia em que titulares de EOS podiam registrar seus endereços de Ethereum para a conversão correta de tokens após a inicialização da mainnet.

Note que, segundo relatos, uma vulnerabilidade crítica na rede EOS poderia ser a razão para o adiamento da inicialização da mainnet, contudo, os rumores não foram confirmados e os desenvolvedores planejam implementar seus planos nas datas especificadas.

Lembre-se de que anteriormente, tornou-se conhecido que a Block.one pretende criar um fundo de capital de risco para desenvolvedores com ativos no valor de US$1 bilhão.

Chrys
Chrys é fundadora e escritora ativa do BTCSoul. Desde que ouviu falar sobre Bitcoin e criptomoedas ela não parou mais de descobrir novidades. Atualmente ela se dedica para trazer o melhor conteúdo sobre as tecnologias disruptivas para o website.

Compartilhe!

Leave a Comment