A conta de Twitter da MyEtherWallet, que há alguns dias, passou por uma mudança de proprietário – e nome –, voltou às mãos da equipe anterior.

Usuários da MyEtherWallet (MEW) que usam o Hola, plug-in gratuito de VPN, podiam ter sido vítimas de um ataque de hackers.

Representantes da empresa disseram que os intrusos mantiveram acesso ao Hola por 5 horas. A MyEtherWallet recomendou que os usuários que usaram o plug-in nesse dia acessem sua carteira para transferir fundos a um novo endereço. Além disso, a equipe da MEW presumiu que o ataque veio de um endereço IP russo.

“A segurança dos usuários da MEW é nossa prioridade. Gostaríamos de lembrar os usuários de que não armazenamos seus dados pessoais, incluindo senhas. Eles podem ter certeza de que os hackers não receberam essa informação de usuários que não interagiram com a extensão Hola para o navegador Chrome durante o último dia”, afirmaram representantes da MyEtherWallet.

Vale notar que este ano não é a primeira vez que um ataque ocorre à MEW: em abril, hackers invadiram os servidores DNS da carteira.

Em seguida, alguns participantes do Reddit escreveram que os hackers redirecionaram os usuários a sites de phishing com endereços IP russos.