Venezuela promete garantir criptomoeda com petróleo, ouro e diamantes

O presidente da Venezuela, Nicholas Maduro, anunciou o lançamento de um banco de jovens, cujo capital será formado a partir da criptomoedas nacional El Petro.

Publicado em 28 de dezembro de 2017 por

O líder venezuelano, Nicholas Maduro, anunciou a criação da criptomoeda El Petro ainda no início de dezembro. Em seguida, declarou que o objetivo do dinheiro digital nacional é “superar o bloqueio financeiro, ajudar o país a avançar na questão da soberania monetária e passar a novas formas de financiamento internacional para o desenvolvimento econômico e social da Venezuela”.

A decisão de criar o El Petro foi tomada no contexto de uma grave crise econômica e política em um dos países mais pobres da América Latina – de acordo com The Wall Street Journal, analistas estimam a dívida nacional total da Venezuela em US$100-150 bilhões.

Vale lembrar que após os protestos em massa que começaram em abril deste ano e a convocação da assembléia constitucional pelo presidente a fim de mudar a constituição do país em 25 de agosto, o presidente dos EUA, Donald Trump, assinou um decreto sobre a imposição de novas sanções financeiras à “ditadura venezuelana” e, no dia 9 de novembro, os EUA ampliaram suas medidas restritivas.

Atualmente, o país está em perigo de inadimplência, mas ainda em 2007, Caracas interrompeu as relações com o FMI, sendo que o atual governo se recusa a implementar as reformas exigidas pelos credores com a participação dessa organização.

Nesse contexto, parece natural que as autoridades tentem usar qualquer meio para salvar a economia.

A tentativa de criar uma criptomoeda nacional venezuelana já foi sarcasticamente comparada por alguns comentaristas com “uma tentativa de um motorista de trolleybus de inventar um veículo de nova geração.

Seja como for, no âmbito do projeto El Petro que está em desenvolvimento, em 27 de dezembro, o presidente Maduro anunciou que alocaria5 bilhões de barris de petróleo para apoiá-lo.

Em particular, ele disse o seguinte:

Um documento que usarei para formalizar a provisão do campo petrolífero certificado 1 de Ayacucho na área da Faixa Petrolífera Orinoco como suporte para o valor da criptomoeda El Petro já está pronto. O campo compreende reservas de 5 bilhões de barris de petróleo, o que é confirmado pelo certificado internacional correspondente emitido por uma das empresas de consultoria estrangeiras. Cada El Petro corresponde a um barril de petróleo! Reuniremos jovens especialistas em criptomoedas em uma equipe especial, para que se envolvam na mineração em todos os estados e municípios da república.

Além disso, Maduro prometeu alocar depósitos de ouro do Arco Minero na Faixa Orinoco e de diamantes para apoiar o El Petro.

 

Chrys
Chrys é fundadora e escritora ativa do BTCSoul. Desde que ouviu falar sobre Bitcoin e criptomoedas ela não parou mais de descobrir novidades. Atualmente ela se dedica para trazer o melhor conteúdo sobre as tecnologias disruptivas para o website.

Compartilhe!

Leave a Comment