Yale University torna-se membro de fundo criptomonetário

A mundialmente famosa Yale University tornou-se um dos investidores de um fundo criptomonetário com ativos no valor de US$400 milhões.

Publicado em 5 de outubro de 2018 por

A mundialmente famosa Yale University tornou-se um dos investidores de um fundo criptomonetário com ativos no valor de US$400 milhões. Isso foi relatado pela Bloomberg com referência a fontes bem informadas.

O fundo, focado em blockchain e na indústria criptomonetária é chamado de Paradigm e foi criado por Fred Ehrsam, cofundador da Coinbase, Matt Huang, ex-sócio do Sequoia Capital e Charles Noyes, ex-funcionário do fundo criptomonetário Pantera Capital.

Além de ser uma das instituições de ensino mais prestigiadas do mundo, Yale também é famosa por seu fundo com US$25 bilhões em ativos. O fundo de doação financeira, que é o segundo maior no mundo, é liderado por David Swensen.

Quase 60% dos ativos do Yale Endowment Fund são investimentos alternativos, incluindo capital de risco e fundos de hedge. A dimensão do investimento feito pela universidade no Paradigm ainda não foi esclarecida.

O Paradigm se especializará em investimentos em projetos em um estágio inicial de desenvolvimento, incluindo startups de criptomoedas e de Blockchain, bem como corretoras.

Vale ressaltar que anteriormente relatamos que quase metade das principais universidades do mundo oferecem cursos relacionados a criptomoedas ou à tecnologia de Blockchain.

Chrys
Chrys é fundadora e escritora ativa do BTCSoul. Desde que ouviu falar sobre Bitcoin e criptomoedas ela não parou mais de descobrir novidades. Atualmente ela se dedica para trazer o melhor conteúdo sobre as tecnologias disruptivas para o website.

Compartilhe!

Leave a Comment