Mike Novogratz: criptomoedas são uma revolução popular

O bilionário e chefe da Galaxy Investment Partners, Mike Novogratz, conseguiu arrecadar com sucesso o montante de investimentos necessário para o lançamento do Galaxy Digital, um banco de negociação de criptomoedas, cujas ações serão cotadas na bolsa de valores canadense, TSX Venture Exchange.

Publicado em 12 de Maio de 2018 por

O investidor bilionário Mike Novogratz participou da cúpula Fluidity Summit, em Williamsburg, durante a qual compartilhou com seus convidados seus pensamentos sobre o presente e o futuro das criptomoedas. Em particular, Novogratz chamou os ativos digitais de “revolução popular”, assim como relata a CoinDesk.

“Nunca tivemos uma mania de mercado liderada pela indústria de varejo”, disse o investidor.

O principal tema do discurso de Novogratz foi a chegada de investidores institucionais no mercado criptomonetário após um enorme aumento de preços no final do ano passado. É claro que, em primeiro lugar, o investidor notou o projeto conjunto de seu banco comercial Galaxy Digital e da agência Bloomberg: o índice criptomonetário Bloomberg Galaxy Crypto, que monitora os ativos mais líquidos de Blockchain.

“Espero que este lançamento marque o início da institucionalização das criptomoedas como uma classe de ativos, uma vez que grandes problemas exigem grande capital”, observou Novogratz.

O investidor está confiante de que uma maior influência das criptomoedas será perceptível no “nível da rua”, onde pessoas comuns alugam casas, dirigem carros e pagam umas às outras pelo trabalho feito.

“A revolução descentralizada terá o maior impacto no setor de varejo, mas para conseguir isso, é preciso ter o poder de investimento de grandes instituições”.  

Descrevendo suas recentes reuniões com representantes do Deutsche Bank, da New York Stock Exchange e do Goldman Sachs, Novogratz disse estar confiante de que esse processo já começou.

“Estas são super-rotas, que todos precisam seguir”.

Uma dessas áreas, Novogratz acredita, é a ciência da computação: de acordo com o investidor, junto com seus engenheiros, ele faz todo o esforço para estudar minuciosamente a tecnologia subjacente à indústria de criptomoedas. Então, as duas maiores complicações técnicas no momento são dimensionamento e um compromisso entre velocidade e segurança, assim como detalhou Novogratz.

“Apostamos no EOS, porque acho que as pessoas são atraídas pela sua velocidade e conveniência. Nós também apostamos no Ethereum, porque ele tem mais desenvolvedores. Minha intuição diz: não precisamos de 100 Blockchains”.

A mesma intuição assegurou Novogratz de que esses problemas serão resolvidos mais cedo ou mais tarde.

Em segundo lugar, o investidor tocou no assunto da economia dos tokens, observando que “as moedas são a coisa mais interessante”. Segundo ele, os investidores não prestam atenção suficiente a novas moedas.

“2018 é um ano importante, portanto, todos nós, como investidores, inclusive eu, não pensamos o suficiente sobre como esses tokens funcionam. Por que eles têm valor?”

A opinião comum é de que, se o protocolo não criar incentivos para o armazenamento de longo prazo de moedas, então o preço dessas últimas cai para zero. Novogratz não concorda com isso. Como exemplo, ele citou um serviço de busca descentralizada para companheiros de viagem, no qual tanto os caminhantes quanto os motoristas sempre manterão um pequeno número de tokens como um investimento especulativo.

“Um token é um número potencial de viagens que podem ser feitas por cada unidade. À medida que o protocolo cresce, o preço de uma viagem em tokens vai diminuir e o preço das moedas vai aumentar. Hoje, isso tudo é apenas adivinhação, mas é muito semelhante ao capital”.

Falando sobre investidores institucionais, Novogratz observou que “o rebanho começou a se movimentar”, e acrescentou que “ele reza todas as noites para os players mais experientes entrarem neste mercado”.

Estas são as três “super-rotas” que os “caminhões já começaram a seguir”, disse Novogratz, resumindo sua metáfora.

“Este ano eu estou muito mais otimista que no ano passado”, concluiu Novogratz.

Lembramos que anteriormente Mike Novogratz, arrecadou com sucesso o volume necessário de investimento para lançar o Galaxy Digital – um banco comercial de criptomoedas cujas ações serão cotadas na bolsa de valores canadense TSX Venture Exchange.12

Chrys
Chrys é fundadora e escritora ativa do BTCSoul. Desde que ouviu falar sobre Bitcoin e criptomoedas ela não parou mais de descobrir novidades. Atualmente ela se dedica para trazer o melhor conteúdo sobre as tecnologias disruptivas para o website.

Compartilhe!

Leave a Comment