Twitter confirma proibição de publicidade de criptomoedas e ICOs

Apesar das anteriores declarações por parte da administração do Twitter sobre a intenção de "resolver" a questão das contas fraudulentas, a popular rede social ainda não conseguiu fazê-lo. As recentes mensagens com a promessa de uma recompensa monetária sólida – desta vez assinadas pelo fundador da Telegram, Pavel Durov – servem como uma prova disso.

Publicado em 27 de Março de 2018 por

Seguindo os exemplos de outras redes sociais como Facebook e o Google, o Twitter proibirá  a publicidade de criptomoedas e ICOs. Isso foi relatado pela CNBC.

“Para proteger nossa comunidade, mudamos a política em relação à propaganda de criptomoedas e coisas relacionadas. Publicidade de ICOs serão completamente banidas a nível global”, afirmou o porta-voz da companhia.

Ele também acrescentou que “esse tipo de conteúdo” é frequentemente associado a fraudes e que por essa razão, a decisão foi tomada.

Lembre-se de que rumores sobre uma possível proibição da publicidade criptomoedas no Twitter surgiram ainda no dia 18 de março. Por outro lado, o CEO da empresa, Jack Dorsey, relatou sua convicção de que em 10 anos, o Bitcoin contornará a importância do dólar americano e se tornará a “única moeda do mundo”, sendo utilizado por bilhões de usuários em todo o planeta.

Chrys
Chrys é fundadora e escritora ativa do BTCSoul. Desde que ouviu falar sobre Bitcoin e criptomoedas ela não parou mais de descobrir novidades. Atualmente ela se dedica para trazer o melhor conteúdo sobre as tecnologias disruptivas para o website.

Compartilhe!

Leave a Comment