Um dos principais fabricantes mundiais de equipamentos para a mineração de criptomoedas, a Canaan Creative, que produz cerca de um quarto de todos as mineradoras ASIC, planeja conduzir uma Oferta Pública de Ações fora da China.

Um dos principais fabricantes mundiais de equipamentos para a mineração de criptomoedas, a Canaan Creative, que produz cerca de um quarto de todos as mineradoras ASIC, planeja conduzir uma Oferta Pública de Ações fora da China. Isso foi relatado pelo portal Bitcoinist.

Segundo a publicação, entre as possíveis jurisdições, representantes da empresa consideram países como EUA e Hong Kong.

“Preferimos realizar a IPO fora da China, uma vez que somos uma empresa internacional”, afirmou o co-presidente do conselho, Canaan Jianping Kun.

Kun alega que tal decisão não está de forma alguma relacionada à proibição de ICOs no país que teve lugar no ano passado, tampouco ao trabalho de corretoras criptográficas e ao aumento da pressão sobre os mineiros pelo governo chinês.

“O principal papel na escolha desses países foi o fato de que a listagem nas bolsas de valores da China leva muito tempo”, enfatizou.

Apesar de a Canaan enfrentar forte concorrência de empresas como Bitfury e Bitmain, a organização registrou um significativo aumento em suas vendas no ano de 2017 e receitas de mais de 1 bilhão de yuans.

Vale ressaltar que em maio de 2017, a Canaan Creative anunciou a atração de US$43 milhões em investimentos, que teriam o objetivo de diversificar os negócios. Foi então que os planos de realização de uma IPO foram inicialmente relatados.

No mesmo mês, a empresa anunciou a compra da Proof-of-Existence, especializada em tecnologia de etiqueta de tempo de bloqueio em documentos.Canaan Creative